• Instagram

Caravana Juventude com Ciência atendeu mais de 3 mil pessoas em Aldeias Altas

Em 3/12/2019

Oficina de orientação a endoparasitose intestinal pelos alunos do Colégio Universitário

O município de Aldeias Altas recebeu durante os dias 28 e 29 de novembro, na Escola Antonieta Castelo, as ações da Caravana Juventude com Ciência. Organizada pela Secretaria de Estado da Juventude (Seejuv), a Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), a Caravana é resultado do Edital Juventude com Ciência que apoia projetos de extensão no Ensino Médio com foco no desenvolvimento dos municípios do Plano Mais IDH.

As oficinas foram realizadas pelos jovens extensionistas do Centro de Ensino José Malaquias – Anexo Ludovico, que levaram a confecção do papel reciclado com a fibra do coco babaçu, do IEMA UP Matões; com a climatologia com arduíno, do Colégio Universitário – Colun; com a oficina de orientação a endoparasitose intestinal, e os do IEMA UP Itaqui-Bacanga, por meio da oficina sobre o Sisteminha Embrapa como alternativa de produção a baixo custo.

As ações realizadas atenderam mais de 3 mil pessoas, através das oficinas e dos serviços realizados pelo Viva/Procon com a emissão do RG+, CPF, Certidões, Balcão Cidadão e atendimentos ao consumidor.

Confecção do papel reciclado com a fibra do coco babaçu

A superintendente de Políticas Públicas para a Juventude, Jaine Santos, destaca os princípios que a Caravana Juventude com Ciência traz, como a troca de conhecimento e a transformação social. “Temos como grandes princípios a  troca de conhecimento e também a de criar perspectiva de vida na população maranhense. E esse sentimento foi plantado tanto nos jovens extensionistas que se encontraram em Aldeias Altas, quanto nos do município e da escola que recebe. A Caravana cumpriu um objetivo muito satisfatório e tivemos um grande abraço da comunidade inteira participando dos nosso serviços” afirma a superintendente.

Ana Clara Costa, jovem extensionista do Centro de Ensino José Malaquias – Anexo Ludovico no município de Lago do Junco, participou da caravana pelo projeto de reciclagem de papel com a fibra do babaçu e falou sobre experiência no projeto. “Eu nunca tinha viajado com um grupo de pessoas da minha escola e nem para tratar sobre a importância de reciclar o papel. Participar da Caravana está sendo incrível, estou adorando ensinar pessoas, me integrar com outros grupos. Está muito legal essa experiência através da educação” concluiu.

“O Juventude com Ciência é uma oportunidade única para nossos alunos, uma vez que já estimula a pesquisa e o conhecimento científico ainda no Ensino Médio. Ver meus alunos com a oportunidade de pesquisar, elaborar projetos de extensão e aplicar a comunidade é muito enriquecedor”, declarou a professora Léa Cardoso do IEMA UP Matões.

Click to open larger map

Desenvolvimento © SEATI | www.seati.ma.gov.br