• Instagram

Governo do Estado articula ações em prol do Plano Juventude Viva

Em 4/06/2019

A Secretaria de Estado da Juventude (Seejuv) iniciou nesta terça-feira (4), no município de Timon, a etapa de diálogo e articulação com os gestores municipais das cidades que integram o projeto Juventude Viva no Maranhão. O secretário André Vitral e a equipe técnica no projeto se reuniram com o prefeito Luciano Leitoa e a equipe da gestão municipal para apresentação do diagnóstico e a criação dos comitês municipais do projeto.

Os comitês municipais de enfrentamento a mortalidade da juventude negra terão como objetivo serem espaços de participação e controle social para a promoção da política de combate e enfrentamento ao racismo institucional, além de promover a articulação, discussão e debate para o combate e enfrentamento ao racismo institucional. Os comitês serão formados pelo poder público municipal e estadual, juntamente com organizações da sociedade civil, com o objetivo de criar o Plano Estadual de Enfrentamento a Mortalidade da Juventude Negra no Maranhão.

O secretário André Vitral pontua a importância desses diálogos que serão feitos nas 9 cidades para assim compor a estratégia de ação do projeto. “Ao longo dos próximos dias visitaremos, além de Timon, os outros municípios do projeto para fortalecer essa ação efetiva de prevenção a violência contra os jovens negros nos bairros e comunidades dessas grandes cidades”, afirmou o secretário.

Luciano Leitão, prefeito da cidade de Timon, agradeceu a parceria entre Estado e Município afirmando a importância das políticas públicas para a juventude no âmbito das parcerias para o projeto Juventude Viva. “Tenho certeza que é um trabalho importante e o resultado não vem de um dia para a noite, mas se inicia uma campanha importante para a juventude do estado do Maranhão. E Timon, cidade importante para o estado, participará dessas políticas importantes para a nossa cidade”, concluiu o prefeito.

Projeto Juventude Viva

O projeto, realizado em parceria com a Secretaria Nacional de Juventude a partir do Plano de Prevenção a violência contra a juventude negra, visa criar condições para superação dos impactos psicossociais gerados em suas famílias e combatendo a padronização da violência e a estigmatização do jovem negro.

No Maranhão, são 9 municípios que aparecem no Mapa da Violência como as cidades mais vulneráveis para a juventude negra. Além de Timon, aparece São Luís, São José de Ribamar, Caxias, Imperatriz, Açailândia, Bacabal, Paço do Lumiar e Codó.

Click to open larger map

Desenvolvimento © SEATI | www.seati.ma.gov.br