• Instagram

Governo realiza roda de conversa sobre prevenção ao assédio

Em 22/03/2019

A Secretaria de Extraordinária de Juventude (Seejuv) promoveu, na quinta-feira (21), no Centro de Ensino Integral Dorilene Silva Castro, em São Luís, roda de conversa com a temática do assédio. A atividade é parte da Campanha Juventude Prevenida que, neste mês, tem como assunto principal o respeito as mulheres.

A campanha Juventude Prevenida Respeita as Mulheres se entende até o dia 29 de março, realizando rodas de conversas em escolas de São Luís. Integra as ações da gestão estadual voltadas para o público jovem, com foco na defesa e promoção da vida.

juventude prevenida 1
O objetivo da campanha é desenvolver estratégias conjuntas entre o Governo do Estado, municípios e a juventude para o enfrentamento, redução e prevenção dos índices de vulnerabilidade da juventude maranhense, com foco principal na prevenção de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) /AIDS, alcoolismo, acidentes de trânsito, assédio e violência contra as mulheres, prevenção ao suicídio e bullying.

O início da campanha foi no período do Carnaval. Se estende por todo este mês, com o objetivo de mobilizar e conscientizar a juventude no reconhecimento e combate a prática de assédio nos diversos espaços sociais.

O estudante Victor Rabelo destacou que foi de grande valia para todos os alunos a roda de conversa, pois, com isso, aprendeu que existe várias formas de assédio e esse aprendizado ele levará para além da escola. “Foi muito importante não só para mim, mas para todos os alunos que depois do não, tudo é assédio, devemos sempre manter o respeito”.

A atividade foi coordenada pela Assessora Especial da Seejuv Juliana Costa, que ressaltou a necessidade de conscientizar os estudantes a combaterem este tipo de violência. “É muito importante que levemos este tipo de discussão para dentro do ambiente escolar, onde os alunos passam maior parte do tempo”. Ela alertou para a relevância desse tema ser debatido. “Muitas vezes o assédio vem mascarado como um elogio, podendo chegar ao contato físico de forma muito mais agressiva e violenta”.

Click to open larger map

Desenvolvimento © SEATI | www.seati.ma.gov.br